Total de visualizações de página

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

The Monolith Deathcult

Hail murders,e aew galera,sumido a bastante tempo  retornando com uma  banda que faz sempre a pessoa parar e pensar o quanto pode ser criativo e Brutal ao mesmo tempo um trabalho desses.
Se para muitos o Nile consegue fazer um som com uma letra sensacional, que é a melhor banda de Brutal Death Metal, e realmente o Nile tem uma capacidade incrível e tem três dos melhores músicos do Metal, mas a banda The Monolith Deathcult deixa você pensando se realmente só o Nile tem essa capacidade, o The Monolith Deathcult consegue trazer toda a sua raiva, sua fúria em um som sem frescura, muito pesado, muito rápido, com bateria muito rápida e digna do Brutal Death Metal.
The Monolith Deathcult aborda temas de guerras em seus álbuns, e nunca são letras dizendo coisas óbvias, é sempre uma composição complicada, uma letra pensada e muito bem escrita, e é sempre seguida de um instrumental que combina perfeitamente com o peso da letra, a banda conta com dois vocais, um fazendo Gutural e outro fazendo Harsh Vocal, ambos sensacionais e sem deixar passar nada, a banda não deixa faltar absolutamente nada.
Intitualda como Supreme Avant-Garde Death Metal, a banda criou uma obra prima que conseguiu superar o império do álbum “Trivmvirate”.
O último lançamento da banda intitulado “Tetragrammaton”, conta com uma inexplicável sequencia de músicas incríveis, e é de deixar qualquer fã do gênero louco esperando pra chegar à próxima faixa pra ver se consegue superar a anterior, e a banda realmente conseguiu, faltou pouco pra todas as faixas serem muito compridas, a faixa mais curta tem 6:24 de duração, mas é provavelmente uma das melhores!
Os fãs ficaram esperando um lançamento, a banda não tinha dito nada após o lançamento do álbum “The White Crematorium 2.0”, e após três anos, a banda volta e deixa todo mundo em estado de loucura, sem faltar nada em seu álbum de primeira linha.
O álbum já começa com a faixa “Gods Amongst Insects”, 10:00 de música, 10:00 de muito peso e de uma composição incrível, uma faixa que faz você parar e pensar, essa é a banda que vai superar muitas com esse lançamento, e não foi diferente do pensamento, ela realmente superou!
Na segunda faixa intitulada “Human Wave Attack”, a banda como sempre fez, aposta em elementos diferentes, para trazer pro seus trabalhos, e essa faixa conta com uma batida que te faz se sentir na guerra que a banda tanto escreve, o gutural do vocalista é algo impressionante!Quem não conhece tem que baixar!!!
deixem comentario aew galera


O álbum ainda conta com a faixa “Todesnacht von Stammheim”, a mais curta, porem a possivelmente a melhor do álbum, cantada em Alemão, a banda não poupou criatividade pra compor essa obra prima, pesada, que soa como um batalhão destruindo a cidade, colocando fogo em tudo, deixando todos no chão enquanto um líder está sorrindo por mais uma conquista.
O álbum não poderia faltar a faixa “S.A.D.M. (Svpreme Avantgarde Death Metal)”, uma faixa que marca o álbum da banda, uma faixa que está em outro nível, uma faixa que deixa o álbum em outro nível e faz tudo se tornar ainda melhor.
The Monolith Deathcult é formado por
Sjoerd Visch – Baterista
Michiel Dekker – Vocalista/Guitarrista
Carsten Altena – Tecladista
Robin Kok – Vocalista/Baixista
Ivo Hilgenkamp – Guitarrista


DOWNLOAD LINKS:

Um comentário: